Dicas

Dicas de Leitura


 

 

A partir de outubro/2011, a Biblioteca passa a oferecer ao público, pela Rádio AL, dicas de leitura. Clique no link para obter o texto:

 

GUIMARAENS, Rafael. "Porto Alegre, Agosto, 61"

Livros Comentários a Constituição do Estado Rio Grande do Sul - Aloisio Zimmer Junior (8530931394) 

MIRAGEM, Bruno. Comentários à Constituição do Estado do RS. 

Odisséia HOMERO. Odisséia. São Paulo: Ediouro, 2002.
  RIO GRANDE DO SUL. ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO. ESCOLA DO LEGISLATIVO. Dicas de Convivência com Pessoas com Deficiência.

 

 

 

   

Dicas Técnicas


 

1. Referências de documentos jurídicos (ABNT:6023/02)

 

BRASIL. Constituição (1988). Emenda constitucional nº 9, de 9 de novembro de 1995. Dá nova redação ao art. 177 da Constituição Federal, alterando e inserindo parágrafos. Lex: legislação federal e marginália, São Paulo, v. 59, p. 1966, out./dez. 1995.

 

Observações:

  • referências constitucionais devem iniciar com a jurisdição, seguidas do termo "Constituição" e o ano da promulgação entre parênteses.
  • observe que o destaque não é dado a EMC (emenda constitucional).
  • apenas o título do documento-fonte deve ser destacado.
  • a inclusão da ementa é opcional, mas recomendamos que seja colocada para qualificar a referência.
  • a Lex, assim como o Diário Oficial, é um periódico, portanto, deve ter a referência de acordo com este formato.

NUCCI, Guilherme de Souza. Código penal comentado. 9.ed. rev., atual. e ampl. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2008.

 

Observações:

  • é importante mencionar a edição nos documentos jurídicos, para que se possa verificar a atualidade da informação ou o valor histórico.
  • apenas o título deve ser destacado. 

2. Preservação de Acervos - Ingredientes para Sachês de Bibliotecas

 

Pastilhas de cânfora, folhas de louro, maravalha de cedro, cravo da Índia e oléo de citronela. O melhor tecido para o sachê é o murim e a validade, dependendo do ambiente (bem arejado e ventilado), é de 3 meses.

 

3 Conservação de livros e de bibliotecas:


1. Grandes quantidades de livros são pesadas. Dê atenção a espessura das prateleiras.
2. O livro deve ser constantemente manuseado. O virar das páginas oxigena o material, impede a acumulação de microrganismos que atacam o papel e colabora para que as folhas não fiquem ressecadas e quebradiças.
3. Folheie rapidamente, mas cuidadosamente, o livro sempre que for colocá-lo de volta na prateleira. Isso vai arejá-lo.
4. Não guarde os livros acondicionados em sacos plásticos, pois isto impede a respiração adequada do papel.
5. Evite encapar os livros com papel pardo ou similar. Essa aparente proteção contra a poeira causa, na realidade, mais dano do que benefício ao volume em médio e curto prazo. O papel tipo pardo, de natureza ácida, transmite seu teor ácido para os materiais que estiver
envolvendo (migração ácida).
6. Faça uma vistoria anual. Retire todos os livros, limpe-os com um pano seco. Limpe a estante com um pano úmido. Evite passar produtos fortes do tipo lustra-móveis, já que seus resíduos podem infiltrar no papel.
7. Deixe sempre um espaço entre estantes e parede. A parede pode transmitir umidade aos livros. E, com a umidade, surgem os fungos.
8. Armários e estantes devem ser arejados. Estantes fechadas devem ser periodicamente abertas.
9. Estantes de metal são preferíveis do ponto de vista da conservação dos livros.
10. Não use clipes como marcadores de páginas. O processo de oxidação do metal mancha e estraga o papel.
11. Em estantes de madeira, pense em revestir as prateleiras com vidro. Não use tintas a base de óleo.
12. Bibliotecas devem ser frequentadas. Nem pense em porões. Baixa frequência de pessoas aumenta a insidência de insetos. Considere um tratamento anual contra traças.
13. Não guarde livros inclinados. Aparadores podem mantê-los retos.
14. Encadernações de papel e tecido não devem ser guardadas em contato direto com as de couro.
15. Na prateleira, os livros devem ficar folgados. Sendo fáceis de serem retirados, duram mais. Comprimidos nas prateleiras, induzem a sua retirada de maneira incorreta, o que danifica as lombadas e fatalmente leva ao dano da encadernação. Livros apertados também favorecem o
aparecimento de cupins.
16. Quando tirar um livro da prateleira, não o puxe pela parte superior da lombada, pois isso danifica a encadernação. O certo é empurrar os volumes dos dois lados e puxar o volume desejado pelo meio da lombada.
17. A melhor posição para um livro é vertical. Livros maiores devem ter prateleiras que permitam isso. Em último caso deixe-os horizontalmente, tomando-se o cuidado de não sobrepor mais de 3 volumes.
18. Luz do sol direta nem pensar. O sol desbota e entorta as capas.
19. Se for um livro antigo ou de algum outro valor ou de maior sensibilidade, lave as mãos antes de folheá-lo, já que mãos engorduradas contribuem para a aceleração da decomposição do
papel. Evite umedecer as pontas dos dedos com saliva para virar as páginas do livro.
20. Ao ler um livro, evite abri-lo totalmente, como por exemplo, em cima de uma mesa. Isto pode comprometer a estrutura de sua encadernação.
21. Não utilizar fitas adesivas tipo durex e fitas crepes, cola branca (PVA) para evitar a perda de um fragmento de um volume em degradação. Esses materiais possuem alta acidez, provocam manchas irreversíveis onde aplicado.

 

Fonte: MARTINS, Alessandro. Livros e Afins. Disponível em: http://www.alessandromartins.com/2007/04/22/21-dicas-para-conservar-seus-livros-e-sua-biblioteca/

 

4. Livros Eletrônicos

 

Diversos E-books na área de Ciência da Informação estão disponíveis no Portal da Associação de Bibliotecários de Goiás: http://www.abgo.com.br/site/index.phpoption=com_content&view=article&

id=376&Itemid=75

Pça. Mal. Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - CEP 90010-300
Fone:(51)3210-2803 - (51)3210-2983     E-mail:escola.biblioteca@al.rs.gov.br
Login