ARTIGO
Uma delegacia especializada em crimes agropecuários
Sérgio Turra* | PP - 11:20-18/08/2017

Há muito, uma atividade criminosa corroi silenciosamente a base da economia rio-grandense, age cruelmente em relação aos animais, estimula a sonegação de tributos e ainda coloca em risco a saúde da população.

Velho conhecido dos produtores rurais, o abigeato se sofisticou. Hoje, não é praticado apenas por um ladrão solitário com uma faca na mão. A nova face do abigeato tem o perfil característico do crime organizado. São quadrilhas com comunicação, frotas de veículos e armamento modernos, que aliciam trabalhadores rurais e roubam até mil cabeças de gado por ano. Há, também, furtos de agroquímicos, sementes e máquinas, que elevam ainda mais as perdas dos agricultores.

O abigeato não prejudica apenas a economia rural e os cofres públicos, visto que o abate clandestino não recolhe tributos. Animais são cruelmente sacrificados, mutilados ou queimados vivos. E a carne, recolhida a campo sem nenhum cuidado sanitário, ainda chega aos açougues contendo, por vezes, medicamentos que não tiveram seu prazo de carência respeitado. Um perigo para a saúde dos consumidores.

Em razão da importância do agronegócio, que responde por mais de 40% na formação do PIB gaúcho, o Estado tem de combater essas quadrilhas de forma mais efetiva – com tecnologia e inteligência. A ousadia dos criminosos demanda a dedicação de uma Delegacia Especializada em Crimes Agropecuários. Somente uma delegacia com tal atribuição – inédita no país – poderá centralizar informações e coordenar operações em nível estadual.  

A criação da Delegacia Especializada em Crimes Agropecuários que estou pleiteando ao governo – pioneiramente sugerida pelo Sindicato Rural de Dom Pedrito, com o apoio da Farsul – é a garantia de continuidade do trabalho da força-tarefa policial que desmantelou no último ano algumas das maiores quadrilhas em atividade no Estado.   

O abigeato exige uma reação à altura de sua audácia. Temos delegacias especializadas em vários tipos de crimes, como os informáticos ou de narcotráfico. Somente com policiais dedicados exclusivamente à repressão aos crimes agropecuários será possível restabelecer a segurança para produtores e consumidores.

* Deputado estadual

                                                                             

Versão de Impressão

Últimas Notícias

16/02/18 - 16:39 - Agência de Notícias - Atividades da Assembleia Legislativa nesta segunda-feira
16/02/18 - 16:11 - Agência de Notícias - Prazo de inscrição em concurso público da Assembleia encerra-se na próxima segunda-feira
16/02/18 - 14:48 - Agência de Notícias - Atividades na Assembleia Legislativa na semana de 19 a 23 de fevereiro
16/02/18 - 11:55 - Agência de Notícias - Manuela quer instituir Semana Estadual de Combate à Violência Obstétrica
15/02/18 - 17:00 - Agência de Notícias - Atividades da Assembleia Legislativa na semana de 14 a 16 de fevereiro
15/02/18 - 16:42 - Agência de Notícias - Atividades da Assembleia Legislativa nesta sexta-feira
14/02/18 - 17:02 - Agência de Notícias - Atividades da Assembleia Legislativa nesta quinta-feira
14/02/18 - 16:21 - Agência de Notícias - Os benefícios e malefícios do RRF foram analisados pelo deputado Lara no Grande Expediente
14/02/18 - 15:42 - Agência de Notícias - Pronunciamentos na tribuna nesta quarta-feira
09/02/18 - 17:00 - Agência de Notícias - Atividades da Assembleia Legislativa na quarta-feira
08/02/18 - 17:30 - Agência de Notícias - Atividades da Assembleia Legislativa nesta sexta-feira
08/02/18 - 16:04 - Agência de Notícias - Pronunciamentos na tribuna nesta quinta-feira
08/02/18 - 15:59 - Agência de Notícias - Lucas Redecker trata da extensão da Rodovia do Parque até Portão no Grande Expediente
08/02/18 - 04:35 - Agência de Notícias - Plenário da Assembleia Legislativa aprova adesão do RS ao Regime de Recuperação Fiscal da União
08/02/18 - 03:20 - Presidência - Nota de pesar pelo falecimento de D. Eva Sopher
Leia mais ...

Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul - Agência de Notícias
Praça Marechal Deodoro, 101 Térreo - Centro - Porto Alegre RS - Cep 90010-300 - Email: redacao@al.rs.gov.br - Telefone (51) 3210 2555 - Fax: (51) 3210 1226