Histórico

A divulgação do trabalho do Legislativo começou em 1964. Os acontecimentos eram filmados, em película de 16 milímetros, pelo Departamento de Cine e TV. Esse material histórico encontra-se, hoje, no Memorial do Legislativo.

Quando a câmera e o VT substituíram a filmadora, o serviço foi ampliado. As atividades parlamentares passaram a ser gravadas e essas gravações eram distribuídas às tevês de Porto Alegre e suas sucursais no interior do Estado. Eram reuniões de Comissões, Sessões Plenárias, Audiências Públicas, atividades da Presidência e entrevistas com os deputados.

Em 1995, a lei que regulamenta o serviço de TV a cabo no Brasil estabeleceu a criação do Canal Legislativo, através do qual a Assembleia Legislativa passou a transmitir, ao vivo, as Sessões Plenárias, inicialmente apenas para Porto Alegre.

Em abril de 2001, com a criação do Departamento de Mídia Eletrônica, uma nova dinâmica de comunicação foi implementada, com o objetivo de ampliar a divulgação dos atos do Legislativo, consolidando a estrutura da TV Assembleia Gaúcha. Nesse ano, iniciaram as transmissões por satélite, ampliando a cobertura através de todas as operadoras de TV a cabo do Rio Grande do Sul, totalizando 17 municípios, dos quais 12 transmitem, de forma compartilhada, a programação das respectivas TVs Câmara Municipais.

Com a transmissão ao vivo de Sessões Plenárias, Audiências Públicas de Comissões, pronunciamentos, debates, fóruns, seminários, telejornais e demais atividades parlamentares, além de uma ampla programação cultural e informativa, a TV Assembleia possibilita ao telespectador manter-se a par de assuntos como direitos do cidadão e serviços prestados à sociedade, além de poder conferir apresentações musicais de alta qualidade.

Em 22 de outubro de 2012, o Parlamento gaúcho aderiu à Rede Legislativa de TV Digital e iniciou a transmissão da programação da TV AL em canal digital aberto (61.2) para Porto Alegre e região metropolitana. O sinal aberto digital da TV Assembleia tem alcance em Porto Alegre e na região metropolitana, num raio de 80 km. A entrada da TV AL na Rede Legislativa representa mais um passo importante na história da emissora, principalmente no momento em que a Lei de Acesso à Informação Pública entra em vigor no país e exige dos órgãos públicos a transparência de seus atos.

Portal da TV da Assembleia Legislativa - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.1170 - tval@al.rs.gov.br